Abrigos atingem capacidade máxima nos dias frios em Umuarama

Em Umuarama e região, a Associação de Apoio à Promoção Profissional (Apromo) é atualmente o principal centro de acolhida de pessoas que, por motivos diversos, se tornaram moradores de rua ou vivem em sem organização familiar. Durante o inverno, com as noites mais frias, a busca pelo local é ainda mais significativa.

“Nos dias de frio intenso, como os últimos, estamos trabalhando com lotação máxima. Podemos dizer que durante o inverno a procura pelo abrigo aumenta em 40%”, destaca a assistente social Magna Regina de Souza Jesus.

A Apromo acolhe homens e mulheres de diversos estados que precisam de um local para ficar. Até o ano passado, a entidade tinha capacidade para abrigar 24 pessoas. Após obras de ampliação, disponibiliza 41 dormitórios, divididos em alas: feminino, masculino, casal, famílias e pernoite.

A reforma também atinge os banheiros e guarda volumes. N entanto, apenas os cômodos de acolhimento estão concluídos. “Ainda vamos construir uma lavanderia para uso dos próprios acolhidos, que hoje ainda não existe”, ressalta o presidente da Apromo, Junior Lopes.

Além de abrigo, a Apromo oferece aos moradores temporários quatro refeições.

Serviço

Mesmo quando as 41 vagas estão preenchidas, a entidade não fecha as portas àqueles que procuram o albergue. “Nós sempre damos um jeito de acolher quem nos procura. E sabemos que atualmente ainda existe cerca 30 pessoas morando nas ruas de Umuarama”, afirmou Júnior.

Os moradores chegam a Apromo através da ação do Centro Pop ou encaminhados pela própria população. Lá passam por uma triagem, na qual informam dados pessoais e quais são os objetivos. O tempo de permanência de cada atendido estipulado pelo órgão é de seis meses, mas, não há regra.

“Existe uma grande rotatividade. Há aqueles que chamamos de ‘treicheros’, que estão vindo de alguma cidade e ficam apenas uma noite, e tem aqueles que permanecem seis meses até encontrarem um emprego ou lugar para ficar. O tempo de permanência depende de cada um”, completa Magna.

Além de abrigo, a Apromo oferece diariamente aos moradores temporáriosquatro refeições, roupa de cama e produtos de higiene pessoal. Além disso, os encaminha à Agência do Trabalhador e para tratamentos de saúde.

Promoções

A entidade recebe repasses do governo federal e municipal, no entanto, não são suficientes para cobrir as despesas do local. “Os recursos que recebemos nos atendem em 50%. As doações e promoções que realizamos são fundamentais para nos ajudar na manutenção do abrigo”, informou o diretor.

No mês de junho, uma feijoada beneficente auxiliou no andamento das reformas e novas ações já estão previstas para os próximos meses. “O bazar beneficente de roupas que aconteceu no ano passado, vai se repetir em agosto. Ainda não temos data, mas contamos com o apoio da população para realizá-lo”, lembrou a assistente social.

O 2º Leilão de Gado também está previsto no calendário da associação.

Doações

Os interessados em doar roupas, calçados, alimentos, produtos de higiene e materiais de construção podem levar até a sede da Associação, localizada na Rua Montevidéu, nº. 4674. As doações também podem ser depositadas diretamente na conta da Apromo: agência 06459 e conta corrente 56969-0. A Apromo funciona para visitas de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h e aos sábados, das 8h às 12h. Informações pelo telefone (44) 3622- 6441.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *